HISTÓRIA DO BRASIL
ESCOLHA UM TÍTULO

17.03.3 SABINADA - BAHIA (novembro de 1837 a março de 1838)

17.03.3 SABINADA - BAHIA (novembro de 1837 a março de 1838)

Ocorrida na Bahia, essa revolta leva o nome de Sabinada pois um de seus principais líderes foi Francisco Sabino Vieira, médico e jornalista. A revolta teve caráter liberal. O desgaste com a pobreza baiana, o centro político e econômico concentrado no Rio de Janeiro e leis que favoreciam apenas aos setores mais ricos da sociedade levaram Francisco Sabino, juntamente com outros elementos das chamadas classes médias de Salvador a se organizarem e declararem a República na Bahia. O detalhe tosco da revolta é que essa revolta separatista e republicana deveria durar “pelos menos até a maioridade de D. Pedro II”, quando aceitariam o retorno da Monarquia!

Estudiosos defendem que a Sabinada foi muito mais uma revolta de caráter social do que política. Os revoltosos tomaram a cidade de Salvador, mas as elites da cidade fugiram levando suas riquezas ou as chaves dos cofres. Muitos se entrincheiraram nos navios ancorados no porto. Foi praticado um embargo que deixou os revoltosos sem os víveres necessários para as atividades mais básicas como a alimentação e higiene. Nem mesmo os rebeldes tinham claros os seus objetivos. O movimento enfraqueceu-se até que as tropas legalistas invadiram a cidade de Salvador em março de 1838.

Os números de mortos na Revolta são bastante díspares, sendo que o número gira entre 1200 a 4 mil vítimas.