HISTÓRIA DO BRASIL
ESCOLHA UM TÍTULO

20.11 AS GREVES NA DÉCADA DE 1910

20.11 AS GREVES NA DÉCADA DE 1910

Desde o fim do século XIX o Brasil atravessou um intenso processo de industrialização, o que favoreceu o surgimento de classes médias. Porém, com a crise provocada pelo encilhamento e a chegada de ideologias esquerdistas, trazidas por imigrantes europeus, especialmente italianos, começaram a surgir no Brasil os primeiros movimentos operários.

Em 1906 ocorreu o primeiro Congresso Operário Brasileiro. Os trabalhadores passaram a se organizar ao redor de sindicatos em busca de melhores salários e condições de trabalho. É notória também a chegada do anarquismo, que se estabelecera no Brasil na transição do Império para a República. Segundo Ruy C. Wachowicz, Giovanni Rossi tentou estabelecer uma comunidade anarquista no Paraná e pediu terras para D. Pedro II. Apesar das terras terem sido doadas, o Imperador sofreu um golpe e Rossi precisou comprar as terras que havia ganhado anteriormente. Foi estabelecida a Colônia Cecília, mas não prosperou tendo em vista a falta de consciência e conhecimento da ideologia anarquista.

1917 foi um ano importante para o operariado do Brasil também. Uma greve geral fechou as ruas centrais de São Paulo e exigia uma legislação trabalhista. Como boa parte da população brasileira estava no campo, as reivindicações urbanas não recebiam muita atenção do governo. Vale ressaltar, porém, que os grevistas alcançaram algumas conquistas. A legislação trabalhista porém só viria com Getúlio Vargas.