HISTÓRIA DO BRASIL
ESCOLHA UM TÍTULO

13. INCONFIDÊNCIA E REVOLTA

13. INCONFIDÊNCIA E REVOLTA

O iluminismo, movimento ideológico que defendia a liberdade, igualdade e fraternidade na política, economia e sociedade estava se espalhando pelas universidades da Europa no século XVIII. Alguns filhos de figuras importantes da elite brasileira e até latino-americana estavam estudando na Europa nesse momento e acabaram entrando em contato com essas ideias libertárias.

Não se pode dizer que todos os filhos das elites se tornaram iluministas. De acordo com Boris Fausto, na Universidade de Coimbra haviam 19 estudantes brasileiros, e deve-se considerar que essa era uma universidade bastante conservadora. É sim, relevante que esses indivíduos hajam, em algum momento, entrado em contato com as ideias iluministas. Mas é importante lembrar que o tráfico de livros e a insatisfação com o arrocho econômico promovido pela Coroa também tiveram seu papel para organizar a elite mineira contra a Metrópole.

A Coroa portuguesa tinha conhecimento da corrupção de agentes fiscalizadores que não acusavam a quantidade correta de ouro explorado para que os mineradores tivessem maior lucro. Em 1782, veio de Portugal Luís da Cunha Meneses para garantir o pagamento correto dos impostos. Sua administração foi marcada por isolamento de membros importantes da elite local e favorecimento de amigos do próprio Meneses.